Réu do Caso Kiss tem julgamento estipulado para setembro

0

O julgamento do réu, Luciano Bonilha, referente ao Caso Kiss, já tem dia previsto para acontecer. O caso passava por uma burocracia frente à sua realização, porém, com nova data estipulada, a previsão ficou marcada para o dia 10 de setembro, podendo ser ou não, em Santa Maria.

A decisão do local para julgamento será definida virtualmente, por meio da 1ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça Gaúcho (TJRS), sob responsabilidade do desembargador Manuel José Martinez Lucas. Esta foi a única defesa que não houve solicitação para transferência do local de realização.

Luciano Bonilha chegou ao Centro de Eventos da UFSM às 9h. | Foto: Renato Oliveira / Especial / CP

Anteriormente, o júri estava previsto para 16 de março, no Centro de Convenções da UFSM, porém, acabou sendo suspenso por decisão do Ministro Superior Tribunal de Justiça (STJ), Rogério Schietti Cruz, no dia 13 de março. Segundo a defesa do caso, este deverá ocorrer em Santa Maria. Gustavo Nagelstein, atuante na defesa de Bonilha, afirma que o cliente almeja ser julgado o quanto antes.

Por outro lado, a defesa dos réus, Elissandro Callegaro, Mauro Londero e Marcelo dos Santos, optaram por ser julgados em Porto Alegre. O referidos casos ainda não têm data prevista para acontecer. Contudo, o Ministério Público defende que todos julgamentos ocorram em júri único, na Comarca do município de Santa Maria.

Deixe Um Comentário

×