Detran altera normas voltadas ao envio do Documento de Licenciamento Anual de Veículo

0

Uma nova medida imposta pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran RS), implica que a partir do sábado, dia 1º de agosto, a empresa não será mais encarregada da impressão e envio por correios, do Documento anual de automóveis e demais veículos, mais conhecido como Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV).

Com a aplicação desta nova medida, quem pagar o IPVA e o licenciamento anual, deverá imprimir por conta própria e sem taxa extra, o documento que habilita a circulação de seu respectivo automóvel. Esta deverá ser impressa com procedimento normal: preto e branco e folha de ofício (A4). Além disso, há a opção de ir até um Centro de Registro de Veículos Automotores (CRVA) e solicitar uma cópia do registro. Neste caso, esta incluirá um custeio de R$ 8,00 ou ter a CRLV Digital no celular.

O Detran afirma que, caso a impressão do comprovante seja feita respectivamente pelo dono do veículo, ela abrangerá total validade jurídica para circulação com o mesmo, bem como a adesão do CRLV Digital. “Aqui no Estado, desde fevereiro de 2020, o licenciamento anual pode ser impresso em folha branca comum (A4), em qualquer impressora. Por meio dessa resolução, define-se que 2020 foi o último ano da versão antiga do documento, aquela ‘verdinha’, que seguirá sendo impressa e encaminhada pelos Correios para o endereço do proprietário, somente até 31/07/2020”, publicou o Detran, em nota.

CASOS DE VEÍCULOS NOVOS OU TRANSFERIDOS

Diferente dos procedimentos citados acima, casos que envolvam a compra de automóveis zero quilômetro ou de transferência para um novo proprietário, o Detran continuará encarregado do encaminhamento da via do Certificado de Registro de Veículo (CRV). Este substituirá o antigo Documento Único de Transferência (DUT).

 

Deixe Um Comentário

×